13/04/2018 14h27

Estudantes da EJA de Colatina recebem visita do secretário de Educação Haroldo Rocha

Os estudantes da Educação de Jovens e Adultos da Escola Estadual Aristides Freire, de Colatina, receberem no dia 05 de março, a visita do secretário de Educação Haroldo Rocha. Durante a visitação, ele conversou com os educandos sobre a importância de dar continuidade aos estudos e aproveitou para fazer uma reunião com toda a equipe pedagógica para conhecer os projetos realizados para os alunos.

“Nada na vida é mais importante do que os estudos. É a educação que proporcionará um bom futuro para esses discentes. Eles precisam entender que concluir os estudos é um enorme avanço que eles estarão dando em suas vidas”, afirmou Haroldo.

Para a secretária Maria de Lourdes Marim, o “professor Haroldo” é sempre bem-vindo à instituição de ensino. “Ficamos muito felizes em recebê-lo em nossa escola. A presença do secretário serviu para que os alunos se sentissem mais motivados, já que ele aproveitou para falar da importância dos estudos para a vida deles. Esperamos que ele nos visite novamente”, disse.

Aos 52 anos de idade, a estudante Maria Izabel Cristo, do 3º ano do Ensino Fundamental na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA), conta que quando pequena precisou interromper os estudos, pois tinha que ajudar a mãe a cuidar de seus irmãos. “Parei de estudar quando tinha nove anos e só pude voltar para a escola agora. Tenho o sonho de fazer faculdade de gastronomia e sei que voltando a estudar, conseguirei conquistar meu sonho. Receber a visita do secretário foi muito importante, pois percebemos que existe alguém que acredita em nosso potencial e que nos apoia. Foi muito bom”, disse.

A educanda Cícera Guilherme Silva, 41 anos e cursa o 2º ano do Ensino Fundamental na modalidade EJA. “Foi maravilhoso receber a visita do secretário Haroldo, porque, nessa idade é muito difícil trabalhar e ter que encarar a escola. Mas foi um privilégio. Me senti homenageada e mais forte por saber que estar estudando tem sido muito proveitoso. Não tivemos essa oportunidade antes, mas agora temos e estamos aproveitando ao máximo”, concluiu.

O aluno Gilmar da Silva Dias, da 3ª série do Ensino Médio da Educação de Jovens e Adultos (EJA), acredita que essa é uma segunda chance. “Estou tendo uma segunda oportunidade de concluir meus estudos. Não é fácil trabalha o dia todo e estudar de noite, mas me acho um guerreiro por conseguir sobreviver à correria do dia a dia. Meu desejo é concluir meus estudos e me conquistar melhores oportunidades na vida”, atribuiu.

Para a professora Evanir Ferreira dos Santos Soneghet, trabalhar com os educandos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), tem sido muito gratificante. “Esses estudantes são cheios de sonhos e expectativas, como qualquer outro cidadão, porém, em algum momento de suas vidas foi tirada a oportunidade de frequentarem a escola. Suas histórias de vida são carregadas de significados que precisam ser traduzidos e trabalhados, em favor da construção de uma aprendizagem significativa. A visita do ‘professor Haroldo’ serviu para isso, mostrar que esses alunos que tem entre 16 e 70 anos, independente de suas idades, podem sim concluir os estudos e conquistarem seus sonhos”, explicou.

A aluna Odete Rosa Cordeiro, da 1ª série do Ensino Fundamental, tem 70 anos e frequenta a escola todos os dias com muita alegria. “Fiquei muito feliz em receber o secretário. Ele foi muito educado e gentil com nós estudantes, além de nos motivar com lindas palavras, a continuarmos estudando. Espero que ele volte mais vezes, pois gostei muito dele”, finalizou.

De acordo com o diretor Jose Carlos da Costa Moura, essa foi a primeira vez que o secretário visitou a instituição de ensino. “Foi muito bom, pois trouxe um pouco de esperança e ânimo para darmos continuidade aos trabalhos desenvolvidos em nossa escola. Os alunos ficaram muito felizes e motivados”, finalizou.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação / SEDU
Vivian Camargo / Flávia Zambrone / Gustavo Pereira
Texto: Emanoele Rocha

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard