13/11/2017 14h10 - Atualizado em 13/11/2017 14h13

OBMEP: estudantes capixabas são premiados em cerimônia nacional

Nove estudantes capixabas vão receber, nesta terça-feira (14), a medalha de ouro em cerimônia aos vencedores da 12ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Entre eles, quatro estudantes são da rede pública estadual.

A cerimônia de entrega das medalhas será realizada às 15 horas, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Entre os medalhistas, 192 são do Espírito Santo: nove conquistaram a medalha de ouro; 51 de prata e 132 de bronze.

Participaram da competição alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e estudantes do Ensino Médio das escolas públicas municipais, estaduais e federais, que foram premiados de acordo com a sua classificação nas provas. Professores, escolas e secretarias municipais de educação dos alunos participantes também serão premiados.

Mais de 196 mil estudantes de 359 escolas estaduais do Espírito Santo participaram da 12ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP).

Na rede estadual, os estudantes estão tendo a oportunidade de aprimorar, ainda mais, os conhecimentos em Matemática por meio do programa “Matemática na Rede: preparando campeões”. Com ele, todas as escolas da rede pública estadual podem organizar atividades de monitoria em Matemática com os estudantes, sob a coordenação de professores da disciplina da unidade. O intuito é fazer com que os jovens talentos participem de aulas de aprofundamento de estudos, sejam monitores do reforço escolar para outros estudantes e participem, cada vez mais, de competições e feiras relacionadas à matéria.

OBMEP

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) é promovida pelos ministérios de Ciência, Tecnologia e Inovação e da Educação, e é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). Seu objetivo é estimular o estudo da matemática e revelar talentos na área.

Para incentivar a participação dos alunos, são distribuídos materiais didáticos, oferecidas bolsas de iniciação científica aos estudantes e reconhecimento aos educadores, escolas e secretarias. A OBMEP também prepara, a cada ano, cerca de 30 medalhistas de ouro para competições internacionais.

Ao todo foram 6.500 alunos premiados, sendo 500 com medalhas de ouro, 1,5 mil com medalhas de prata e 4,5 mil com medalhas de bronze. Além disso, os medalhistas que estiverem matriculados em escolas públicas terão a oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC-OBMEP). E os medalhistas que estiverem regularmente matriculados no ensino superior poderão se candidatar ao Programa de Iniciação Científica e Mestrado (PICME) oferecido por diversas instituições de ensino superior.

Mais informações podem ser obtidas no site: www.obmep.org.br

 

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação / SEDU

Vivian Camargo/ Flávia Zambrone / Gustavo Rosa

vbcamargo@sedu.es.gov.br/ fpzambrone@sedu.es.gov.br / gprosa@sedu.es.gov.br

Tel.: (27) 3636-7705/ 3636-7706/ 99703-7815

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard