17/07/2017 11h02 - Atualizado em 17/07/2017 17h48

São Roque do Canaã e Marilândia vão unir esforços com o Governo para melhoria da aprendizagem dos estudantes

Juntos pela melhoria da aprendizagem. A Secretaria de Estado da Educação (Sedu) e os municípios de São Roque do Canaã e Marilândia realizaram, na quinta-feira (13), solenidades de assinatura do termo de adesão dos municípios ao Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes). O secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha, esteve nos municípios para formalizar a parceria com as prefeituras.

Em São Roque do Canaã, a assinatura contou com a presença do prefeito, Rubens Casotti, e do secretário municipal de educação, Marcos Antônio Wolkartt, que falaram sobre a importância de aderir ao Pacto.

Para o prefeito, aderir ao pacto é proporcionar uma nova oportunidade para que os estudantes tenham um futuro melhor. “Todo mundo conhece a minha história e sabe que, infelizmente, não pude ir muito adiante com os meus estudos. Mas, com certeza, quero o melhor para os meus filhos e todos os jovens de São Roque do Canaã. É por isso que estamos aqui assinando o Paes. Educação não é despesa é investimento”, destacou.

“O município se propõe a ser parceiro, e o que queremos é que todos tenham cada vez mais acesso a uma educação pública de qualidade, para que o jovem alcance o conhecimento da sala de aula e vá muito além dos limites de nosso município, conhecendo o mundo e trazendo tudo de bom para fazer São Roque do Canaã um lugar cada vez melhor. A educação precisa ser transformadora, para que nossos jovens queiram algo melhor para si. É assim que o Paes vai contribuir, sendo um ponto de partida. E, para isso, precisamos estar unidos em busca dessa educação transformadora”, afirmou o secretário Wolkartt.

À noite, foi a vez do município de Marilândia realizar a assinatura. Durante a solenidade, o secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha, aproveitou para ressaltar sobre os desafios do Paes. “O Pacto é um movimento aberto para quem quiser participar e ajudar. Não é pra fazer prédio, o que nós queremos é aprendizagem. Queremos melhorar o nível de aprendizagem dos nossos estudantes e, para isso, também vamos oferecer formações para os professores e um material didático melhor. O Paes é o melhor ambiente para nós debatermos como garantir o máximo de aprendizagem para todos em cada etapa da educação básica”, explicou.

O prefeito de Marilândia, Geder Camata, disse estar muito feliz em poder aderir em seu município um projeto que visa fazer dos jovens, cidadãos de bem. “A assinatura do Pacto envolve não somente a prefeitura e o governo, mas também toda a comunidade. Com planejamento e compromisso, queremos transmitir para nossas os estudantes o melhor conhecimento possível”, concluiu.

Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes)

Com adesão dos municípios ao Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes), envolvendo a união de esforços entre o Governo do Estado, as prefeituras, a sociedade civil e a iniciativa privada, ações serão desenvolvidas focadas nas salas de aula, que resultem em avanços significativos de aprendizagem dos estudantes do ensino fundamental.

O principal objetivo do Paes é a melhoria dos indicadores educacionais dos estudantes da educação básica no Espírito Santo, envolvendo domínio de competências como leitura, escrita e cálculo adequado à idade e ao nível de escolarização.

Visitas às escolas

Na oportunidade, o secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha, também visitou oito escolas da rede estadual nos municípios de Santa Teresa, São Roque do Canaã e Colatina. Mesmo com o período de recesso, ele conversou com professores, diretores e jovens estudantes super engajados nas unidades: Frederico Pretti, David Roldi, Felício Melotti, Lions Club, Rubens Rangel, Profª Néa Monteiro Costa, Geraldo Vargas Nogueira e Escola Viva Conde de Linhares. 

 

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação / SEDU

Vivian Camargo/ Flávia Zambrone / Gustavo Rosa

vbcamargo@sedu.es.gov.br/ fpzambrone@sedu.es.gov.br / gprosa@sedu.es.gov.br

Tel.: (27) 3636-7705/ 3636-7706/ 99703-7815

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard