Perguntas Frequentes

A Secretaria de Estado da Educação atua em qual área?
A Secretaria de Estado da Educação (Sedu) é o órgão responsável formulação e implementação das políticas públicas estaduais que garantam ao cidadão o direito à educação básica e profissional de nível técnico.
O que é a inspeção escolar?
A inspeção escolar atua no acompanhamento, orientação e controle da educação básica tanto pública quanto privada. Suas principais ações são orientar, acompanhar, auditar e avaliar a execução das atividades relativas às instalações e ao funcionamento das redes de ensino público e privado caracterizado pelo controle efetivo dos padrões de desempenho estabelecidos pelo Sistema de Ensino para a eficácia tendo em vista a confiança social na Educação.
Qual a função do Conselho de Escola?
Órgãos de natureza colegiada, os Conselhos Escolares são responsáveis por aglutinar num mesmo espaço, representantes dos diversos atores que compõem a comunidade escolar como: professores, pais de alunos, alunos, funcionários e membros da comunidade local, que são levados à função de representantes por meio de eleições em cada segmento. Isso permite que os conselhos aprimorem o exercício da democracia e da participação dos agentes responsáveis pelo processo educativo nos processos decisórios na escola. Todo o processo eleitoral é coordenado por uma comissão, da qual faz parte o diretor, membro nato do conselho. Além disso, pode ser considerado como uma importante ferramenta de suporte ao diretor escolar, em sua tarefa de administrar a unidade de ensino, já que suas funções definem-se pela fiscalização, deliberação e consulta.
O que é o Conselho de Alimentação Escolar (CAE)?
O CAE é um órgão colegiado de cárater fiscalizador, permanente, deliberativo e de assessoramento, instituído no âmbito dos Estados, di Distrito Federal e dos municípios, tendo grande importância para tomadas de decisões necessárias à execução do Plano Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).
O que é EJA?
EJA, ou Educação de Jovens e Adultos, é uma modalidade de ensino ofertada pela Sedu que oferta classes de alfabetização, cursos de Ensino Fundamental e Médio e o atendimento nos Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA), objetivando uma estrutura que compatibilize a prática social do aluno com uma prática educativa que respeite o aluno trabalhador em sua fase de vida.
O que o jovem e adulto devem fazer para ter acesso aos cursos da modalidade EJA?
Nas escolas da rede estadual de ensino regular - o jovem e adulto com idade mínima entre 15 e 18 anos, que desejarem iniciar ou retornarem os estudos, poderão procurar a secretaria da escola e matricular-se no ensino fundamental ou ensino médio, sendo que o curso será presencial. No Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA) - as ações desenvolvidas pelos CEEJA oferecem exame de suplência e cursos de instrução personalizada, que compreendem estudos por meio de módulos constituídos de apostilas. A política educativa desenvolvida pelo CEEJA compreende a flexibilidade em todo o processo educativo: horário, tempo de permanência, calendário, frequência, organização do trabalho, a realidade do aluno. Assim, é possível articular o tempo e a duração do curso de acordo com suas necessidades pessoais. Os CEEJA funcionam com atendimento ininterrupto, com liberdade no período da matrícula, não obrigatoriedade de freqüência diária, disponibilidade de professores de todas as áreas do conhecimento para esclarecer dúvidas, adaptando-se à disponibilidade de tempo de cada aluno.
Quais são as modalidades de cursos profissionalizantes de nível técnico que a Sedu oferece?
A Sedu oferece cursos técnicos em quatro modalidades diferentes, dentro de eixos que vão ao encontro dos anseios da sociedade porque promovem a inclusão social, educacional e tecnológica. Cursos técnicos nas diversas escolas estaduais de Ensino Médio e nos CEETs (Centros Estaduais de Educação Técnica): funciona na modalidade subsequente, ou seja, se dirige aos alunos que tenham concluído o Ensino Médio ou estejam cursando a última série; Ensino Médio Integrado à educação Profissional: o aluno cursa o Ensino Médio Integrado à Educação Profissional em escolas estaduais, com duração de quatro anos, em horário parcial ou duração de três anos, em horário integral, elevando a sua escolaridade. Bolsa Técnica: cursos em parceria com os IFES (antigos CEFETES) de Cachoeiro de Itapemirim e São Mateus. O aluno cursa a última série do Ensino Médio na escola estadual no período matutino e o curso técnico no IFES no outro período; Bolsa SEDU: programa que prevê compra de bolsa de estudo para alunos da rede pública em cursos técnicos, principalmente da área de indústria, de escolas privadas credenciadas.
A Secretaria de Estado da Educação oferece cursos de formação do magistério?
Sim. A Gerência de Formação do Magistério (Gefor) é a responsável por planejar, coordenar, executar, monitorar e avaliar as diferentes ações voltadas à formação inicial e continuada dos profissionais que atuam na rede de ensino da educação básica no Espírito Santo.
Como funciona o programa "Mais Tempo na Escola"?
O programa amplia o tempo de aula para 5, 6 ou até 8 horas por dia, no caso da Escola Integral. Com isso, os alunos têm mais tempo para estudar, mais contato com artes, cultura, esportes e mais tempo com os professores. O conteúdo das disciplinas é reforçado e os estudantes recebem atenção especial, principalmente no dever de casa. Além disso, podem se desenvolver física e intelectualmente, com a prática de esportes, artes plásticas, teatro e muita música. Tem também mais pesquisa, para ajudar no desenvolvimento do raciocínio crítico e científico e, ainda, educação ambiental, ética, cidadania e muito mais.
O que é o "Esporte na Escola"?
O projeto "Esporte na Escola" tem como finalidade estabelecer diretrizes para o desenvolvimento da disciplina de Educação Física e fomentar a prática pedagógica de atividades físicas e esportivas, com os objetivos de melhorar as aprendizagens escolares, de promover a inclusão social e o exercício da cidadania dos alunos que frequentam as escolas da rede estadual de educação.
Qual o objetivo do "Esporte na Escola"?
O objetivo é desenvolver em toda a Rede Estadual de Educação um amplo programa de atividades físicas e esportivas que vise integrar, juntamente com as ciências e a cultura, a proposta curricular de todas as escolas, contribuindo com a formação integral dos alunos, tornando a escola mais atrativa, conseguindo atender as novas demandas socioeducacionais da sociedade contemporânea.
O que é o Paebes?
Paebes é o Programa de Avaliação da Educação Básica do Espírito Santo.
Qual o obejtivo do Paebes?
Avaliar, de modo permanente e contínuo, o sistema de ensino. Esse programa visa diagnosticar o desempenho dos alunos em diferentes áreas do conhecimento e níveis de escolaridade, bem como subsidiar a implementação, a reformulação e o monitoramento de políticas educacionais, contribuindo, dessa forma, para a melhoria da qualidade da educação no Espírito Santo.
2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard