08/11/2019 12h59 - Atualizado em 08/11/2019 13h00

Programação de computadores é tema de evento em escola de Santa Maria de Jetibá

Por meio do site ‘Programaê’, os estudantes receberam comandos para desenvolver atividades em sala.

Entendendo a importância do conhecimento da linguagem da programação de computadores e cientes de que muitos alunos não dominam essa habilidade, a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) São Luís, em Santa Maria de Jetibá, promoveu a “Semana do Código”. Na ação, que teve início na segunda-feira (04) e se estendeu até esta sexta-feira (08), os estudantes puderam praticar o desenvolvimento de sistemas de computadores através da plataforma “Programaê”.

Segundo a coordenadora de área Caroline Angeli Sancio a atividade teve o objetivo de preparar os estudantes para atuar na área da informática, de forma alinhada com os novos desafios do mercado de trabalho. Para isso, os alunos trabalharam com a plataforma digital, que facilita a introdução da linguagem de programação e o pensamento computacional nas práticas pedagógicas, garantindo subsídios para que eles sejam protagonistas desse processo.

Ainda durante estes dias, os professores das disciplinas de Matemática, Alexandre Portes Ribeiro; e Física, Luís Jorge Krause, puderam trabalhar em sala de aula o conteúdo de geometria, lógica, raciocínio lógico e resolução de problemas, que são colocados como inerentes ao curso.

Sobre a iniciativa, a coordenadora destacou também que “é uma forma prazerosa de aprender, aliando teoria à pratica com utilização de novas tecnologias. Uma linguagem fácil e que faz parte do cotidiano dos alunos que dominam uso de instrumentos tecnológicos em suas atividades cotidianas e que estão se divertindo muito com esta ação”, afirmou.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sedu
Mirela Marcarini / Geiza Ardiçon/ Soraia Camata
(27) 3636-7705/ 7706/ 7707/ 7888 / 99956-2479 / 99802-9043
mirelamarcarini@sedu.es.gov.br/ gardicon@sedu.es.gov.br/ sccanal@sedu.es.gov.br

 

Tópicos:
São Luís
2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard